12 novembro, 2019

Aprender a esperar em Deus

Romanos 5: 1 a 4

Com certeza, desde que chegamos na igreja e passamos a conhecer Palavra de Deus, junto com ela recebemos o entendimento de que existem promessas de grandes conquistas, de prosperidade, de resgate de honra e dignidade, de libertação de medos e opressões, de cura, de reconciliação, para quem se aproxima de Deus pelo caminho certo, ou melhor pelo único caminho, Jesus Cristo.

A Palavra de Deus em Hebreus 11:1 diz que “fé é a certeza das coisas que se esperam e a convicção de fatos que se não veem”. Portanto, é através da fé que temos a certeza e a convicção que todas estas promessas que temos ouvido se cumprirão em nossas vidas.

Muitos têm perdido suas bênçãos a minutos de recebê-las, por não saberem esperar por elas.

Falta ao homem de uma forma geral paciência e perseverança, principalmente nos dias de hoje, em que existe um inconsciente coletivo de imediatismo, instantâneo, “Express” transformando o homem em um ser intolerante, impaciente e infiel.

A automação das coisas, as facilidades e a velocidade da era da informática também tem contribuído para isto.

Por trás de todas estas coisas existe a ganância, a ambição desenfreada, a idéia de que é preciso correr para alcançar um “lugar ao sol”, porque senão alguém chegará primeiro e pegará o seu lugar; uma competitividade exagerada que têm separado amigos e dividido famílias. (uma chave aqui: Foco na Motivação correta e no Equilíbrio)

Porém no Reino de Deus há um 1o lugar para todos. A promessa de vitória é para todos e ao contrário do mundo não é para os apressados e espertos e sim para os que ativam a fé, avançam, realizam, cumprem princípios, lançam suas sementes e neste foco, sabem esperar o processo se cumprir e o tempo definido para Deus agir.

Neste tempo entre a proclamação da promessa e a chegada dela, Deus precisa nos preparar para podermos desfrutar em plenitude o que receberemos Dele.

As provas e tribulações que vivemos fazem parte desta preparação de Deus. Jesus disse em João 16,33 que no mundo teríamos aflições, mas que, como Ele, as venceríamos.

A Palavra de Deus diz que a tribulação gera perseverança e a perseverança, experiência e a experiência, a esperança.

Os que perseveram adquirem uma experiência que os prepara, os lapida, os aperfeiçoa e os amadurece.

Quantas vezes aprendemos coisas preciosas com pessoas mais velhas através de suas experiências e quantas vezes ouvimos estas pessoas dizendo “hoje eu não faria o que fiz no passado”, “se fosse hoje eu não repetiria aquele erro”.

Os experientes, os forjados no fogo por Deus, os maduros, não caem, não se abalam, não se desviam, são prudentes e zelosos.

Esta é a natureza que Deus quer forjar em nós antes que as bênçãos cheguem em nossas mãos, para que uma vez recebidas, sejam duradouras, ou melhor, eternas.

Deus quer te dar um casamento para sempre, prosperidade para sempre, felicidade e paz para sempre!

Não corra atrás das suas bênçãos e nem cobre de Deus o tempo todo por elas. Na hora certa você será alcançado por elas. (Deut 28 – as bênçãos alcançarão os obedientes que estão firmados em Deus e perseverantes na ativação de uma fé viva, frutífera).

Os que se permitem viver as experiências que Deus propõe conquistam uma riqueza ainda maior, que é uma natureza esperançosa. Não existe nada mais triste do que alguém que não sonha mais, não acredita mais, não tem mais esperança.

Creia nas promessas de Deus para a sua vida, não desista, seja paciente, persevere até o fim e com certeza todas elas se cumprirão.

Deus abençoe a todos,

Imprimir
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •