Encontre sua Célula
Saiba qual a célula mais próxima de você! Procurar
Redes Sociais
Agenda
abr
12
sex
20:30 Encontro com Deus
Encontro com Deus
Encontro com Deus
Encontro com Deus Dias 12 à 14 de Abril de 2019 Local: Guararema/SP Formas de Pagamento: Depósito/transferência – valor de R$  Banco Itaú AG: 0474-0 C/C: 002954-8 Fav.: Igreja Apostólica Corpo de Cristo CNPJ: 11.129.156/0001-93[...]
Palavra
O perfil dos 144

I Pedro 2: 1 a 6

Este texto de I Pedro 1 a 6 mostra o perfil dos 144. A Visão é uma construção feita por Deus, as pedras desta edificação são pedras humanas (pedras vivas versículo 5).

A revelação de Ap. 21:12: E tinha um grande e alto muro com doze portas, e nas portas doze anjos, e nomes escritos sobre elas, que são os nomes das doze tribos dos filhos de Israel,”mostra que esta edificação tem como modelo e base espiritual o modelo dos 12.

Onde os 12 são os fundamentos (alicerces) e a 2ª Geração (os 144) são as muralhas desta cidade celestial (a nova Jerusalém). Eles são portas de acesso, eles são o muro que contem e mantem a multidão.

A terceira Geração está representada por pedras preciosas incrustadas na muralha (o que representa riqueza e multiplicidade de dons e talentos vinculados a igreja).

Também o texto de Ap. 7 nos revela que a 3ª e 4ª Gerações só são atraídas e vinculadas após a consolidação dos 144 (vs. 9).

Quem são os 144 consolidados:  

  1. Os que captaram a Visão no Espírito

         – Se sentem escolhidos por Deus para este modelo de forma espiritual.

         – Não tem nenhuma dúvida ou conflito interior quanto ao seu chamado nesta Visão específica.

         – Entendem espiritualmente que este é o modelo de Jesus (portanto o melhor) cujo diferencial é o discipulado interpessoal

         – Se sente bem neste modelo e encara todo desafio dele com alegria.

  • São pessoas tementes a Deus

         – Amam a Deus acima de família, trabalho ou dinheiro (Deus está em 1º.).

         – São pessoas que romperam relações com o mundo e fizeram uma aliança com Deus de comunhão e serviço. Ex: Seu prazer está na Lei do Senhor. “Um dia na Tua presença vale mais que 1.000 nas tendas da perversidade.”

         – São pessoas que decidiram honrar a Deus e tomar posse do Seu Reino na terra e no céu (grande recompensa).

  • Que foram batizados em compaixão

         – Sabem qual a importância de salvar vidas.

         – Não conseguem ficar indiferentes em face das necessidades que o mundo vive (miséria, carência, carência de amor, maldição e condenação).

         – Em resumo são pessoas que não conseguem ficar de braços cruzados enquanto vêem outros indo para o inferno.

         – Por causa do seu amor a Deus e as vidas terão um selo de aprovação, colocado por Deus, que os livrará de muitos males (Ap. 7:3 e 4).

  • São homens e mulheres responsáveis e comprometidos com Deus

         – Tem zelo pela obra, não sendo omissos negligentes ou ausentes. São líderes com quem se pode contar, não são virtuais.

         – São pessoas responsáveis com as coisas de Deus, tanto quanto com suas próprias coisas.  Ex: família, trabalho.

         – Tem espírito voluntário e vida disponível para o serviço de Deus.

         – São sujeitos a autoridade divina, e obedecem aos comandos por espontaneidade e  convicção. Ex: vai e ele vai, vem e ele vem.

         Estes discípulos existem, tem nome, identidade e precisam ser legitimados e organizados em equipes de 12 na Segunda Geração.

         Depois de consolidados os 144, há uma liberação de Deus para a conquista das multidões. AP.7:9 “Depois destas coisas olhei, e eis aqui uma multidão, a qual ninguém podia contar, de todas as nações, e tribos, e povos, e línguas, que estavam diante do trono, e perante o Cordeiro, trajando vestes brancas e com palmas nas suas mãos.”

         Quem deseja viver a promessa de ter uma multidão, precisa investir na formação dos seus 12 e dos seus 144.

         Lembre-se que este projeto é do Senhor, é Ele quem realizará este milagre, nós só precisamos crer e perseverar na lapidação das pedras vivas.

Deus te abençoe e multiplique de forma extraordinária.

Aps. Fabio e Claudia Abbud

Leia
Esboço da Célula
Perseverança

Hebreus 10: 32 a 39

A carta do Apóstolo Paulo aos judeus revela que há um ingrediente indispensável à vida daqueles que querem ser vitoriosos: A perseverança.

O Apóstolo Paulo está fazendo esta exortação aos judeus de sua época, de que perseverassem na fé, até alcançarem o centro da vontade de Deus na Terra e a vida eterna no seu reino celestial.

Cada um de nós, quando tem um encontro com Cristo, tem sua vida completamente transformada para muito melhor, mas Deus permite que passemos por algumas lutas e desertos para que a nossa fé seja aumentada e consolidada.

Muitos pensam que após receberem a Jesus, seus problemas acabaram, porém, esta não é a promessa feita por Jesus e sim de que Ele nos daria condições de enfrentarmos e vencermos todo nível de problema, desde que tivéssemos bom ânimo, ou seja, disposição e perseverança.

Quantas pessoas caminham hoje sem objetivo? Ou quantos começam algo e logo desistem, desanimam, jogando fora tudo o que conquistaram até aquele momento. Este é um péssimo hábito: não terminar aquilo que começou.

Imagine se Cristo não tivesse terminado sua obra indo até o fim (a Cruz), onde estaríamos hoje? A vida com Jesus fala de continuidade, de eternidade. Começamos aqui quando cremos em sua morte para nos salvar e continuamos na vida eterna se formos perseverantes na fé que Ele nos ensinou. A vida com Deus não termina, continua.

Deus mesmo é perseverante, pois em toda a história, Ele perseverou em buscar o homem, em tentar salvá-lo e Ele não descansará até salvar a última alma, o último povo, a última nação da terra e assim demonstrar que é o Senhor.

O vs. 35 diz que a fé não deve ser deixada, por isso não desanime, não desfaleça, não pare de buscar aquilo que você quer, pois ninguém caminha para lugar nenhum, ninguém luta para não conquistar nada, há sempre uma recompensa e com Jesus a recompensa é grandiosa, não só aqui na terra, mas também no céu.

Todas as vezes que houver uma caminhada em direção a um propósito de Deus, haverá circunstâncias adversas, mas o segredo é não olhar para os obstáculos e sim para o alvo. Outro segredo para não desistir é sempre reanimar-se em Deus, lembrando que o Senhor é a nossa força.

Outro segredo é entender que Deus mesmo já tem um caminho traçado para mim. E que eu só preciso me deixar guiar por ele. As nossas conquistas e vitórias virão se perseverarmos no caminho e na visão que Deus nos deu.

É preciso aprender a perseverar. Como tudo na vida é um processo e um aprendizado (um caminho de erros e acertos), precisamos nos desprender desse embaraço para avançar sempre sem desistir, aprendendo a lidar com a falta de resultados que sempre fará de nós pessoas mais experientes e mais maduras. O aprendizado e experiências deste ciclo nos colocará em níveis mais altos para obtermos os resultados esperados no próximo ciclo, o segredo é sempre avançar focado no propósito.

Precisamos permanecer fazendo aquilo que entendemos ser a vontade de Deus e dando o nosso melhor. O que realmente importa é o empenho, sempre seremos em primeiro lugaravaliados por Deus pelas nossa obediência e esforço.

A vida com Deus deve ser baseada na fidelidade e não apenas na produtividade aparente, ainda que esta faça parte do contexto. Nossa tarefa é semear amor, a verdade, o cuidado, o carinho, o perdão, a consolidação e o discipulado…, mas quem dá o crescimento é o Senhor.

Todo investimento que fazemos em Deus, tem uma recompensa, ainda que não a reconheçamos ou recebamos no momento. Em I Coríntios 15:58 diz: Portanto, meus amados irmãos, sede firmes, inabaláveis e sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que, no Senhor, o vosso trabalho não é vão.

Haverá sempre um prêmio para os que permanecem, ainda que tenham que superar frustrações. Se não nos embaraçarmos nas comparações e decepção com os resultados, ainda que nos julguemos incapazes ou sejamos os menores, em Cristo Jesus alcançaremos os maiores prêmios que virá pela nossa obediência.

Quando houver qualquer sinal de fraqueza é hora de buscar a Deus em oração, de jejuar, de buscar a palavra, de estar em comunhão. Não retroceda, não recue, continue confessando a fé na vitória, pois ela pode estar a um só passo de você!

Atenção líderes:

1 Fazer a oração para que os novos confessem a Jesus).

2- Levar todos a uma oração por perseverança e consolidação de sua própria fé (depois que todos orarem, o líder deverá profetizar sobre todos que serão firmados, fortalecidos, levados ao propósito final de Deus para suas vidas).

Amamos vocês

Apóstolos Eliezer e Zenita

Leia